Nós Abelhas – Mais uma etapa da montagem

postado em: Blog, Destaques, fotos, Processos | 0

Após os testes com os materiais e colagem foram vincadas na lasercut do Laboratório LAMO 3D ( aqui nossos agradecimentos pelo incrível apoio) várias folhas em 1:1 no papel kraft e no papel vegetal. O primeiro se mostrou mais resistente. O vegetal tende a rasgar nas dobras, apesar do efeito translúcido ser mais interessante. Também foram acrescido furos para em dobras específicas para fazer o encaixe de ganchos. Teste com ilhois não deram certo e estamos usando porcas, arruelas e ganchos em parafuso.

Um protótipo em PS foi cortado para simular a caixa de acrílico. Um MDF cedido pelo LAMO foi utilizado para testar os encaixes da caixa onde ficarão os equipamentos. Duas faces do hexágono foram cortadas em madeira e ficou mais interessante.

Uma vez montado e pendurado foi possível experimentar com o objeto. A caixa de madeira vazada e os furos no Kraft deram um alívio na sensação de claustrofobia. É possível observar o exterior pelos orifícios e ao mesmo tempo se sentir dentro de uma espécie de casulo.

  • Apresentação da Performance

Performance Acoplamento Sensível [vídeo]

postado em: Arquivo, Blog, Destaques, fotos, Videos | 0

 

Apresentação da mais recente produção do Núcleo de Arte e Novos Organismos. Da série “Acoplamentos Sensíveis” o qual foi apresentado como performance no mês de junho 2015 no Understanding Visual Music Brazil 2015, no CCBB de Brasília. Trata-se de série de propostas artísticas que exploram conexões entre o homem e a natureza mediadas por tecnologia. A presente versão trata-se de um vestível composto de uma planta e sistema eletrônico que, acoplados ao corpo, produzem som e luzes.
_______________
Presentation of the performance Sensitive Couplings by the Nucleus for Art and New Organisms.

 

 

 

 

Estudos Iniciais – Wearables

postado em: Blog, Processos | 0

Com o intuito de me familiarizar com os estudos propostos dentro do campo da wearable art, optei por construir um pequeno protótipo do modelo de pesquisa que gostaria de desenvolver.
Criei uma peça composta por luzes de LED sob um tecido de musseline branca.  Inicialmente costurei pequenas lâmpadas de LED em um tecido de algodão, que serve como base para toda a estrutura. As lâmpadas foram conectadas em paralelo, e são alimentadas por uma bateria de 9V.  Sobre este conjunto de tecido com lâmpadas, posicionei a musseline branca. Esta, por sua vez,  foi trabalhada por costura para que adquirisse um efeito de textura. O resultado foi uma peça que contém um relevo que remete ao formato de folhas, estas estruturas tornam difusa a luz presente sob o tecido.
A construção do modelo foi útil não apenas para me familiarizar com os aspectos técnicos tocantes à construção de wearables, mas também estimularam uma reflexão sobre o assunto. O mercado de produção de roupas e tecidos mudou muito durante o século XX, e hoje vive um momento historicamente inédito. Passou de um meio de produção tipicamente artesanal para um campo mais industrial e automatizado, com a tecnologia sempre exercendo influência sobre os novos modos de vestir.  Sabendo-se que as roupas são o reflexo de uma época,  a união entre a tecnologia e o vestir proposta por artistas ao redor do mundo não questiona apenas a relação entre o indivíduo e suas vestes. As construções que vêm sido desenvolvidas incitam um pensamento crítico sobre o momento que temos vivido como sociedade em meio à tantas mudanças estimuladas pela tecnologia.

Portanto, a peça construída busca refletir  uma união entre opostos: o tradicional e o novo.

  • Wearable Art
  • vestidos Hussein Chalayan
  • Cachecol feito pela artista Mary Huang

O indivíduo e a roupa – Wearables

postado em: Processos | 0

Projeto sobre vestuário, porém, com uma visão diferenciada da do mercado. As roupas são importante elemento da história humana e sempre foram vistas como objeto que de alguma forma transmite uma mensagem, seja de diferença cultural, social, ou ideológica. O vestuário é responsável por caracterizar um indivíduo e exteriorizar algo presente em seu interior. Gostaria de me aprofundar no estudo sobre a relação entre o indivíduo e suas roupas, explorando a subjetividade presente no ato de se vestir nos dias atuais. Com base em pesquisas e estudos poderia propor um projeto artístico que inspirasse uma reflexão sobre este tema. Uma linha de roupas que não tivesse como finalidade própria o vestir, proteger o corpo, mas sim explicitar o que se passa no interior do corpo do indivíduo que usa tais roupas. Creio que o uso de cores, luzes e movimentos em tais peças, tal como uma modelagem diferenciada, poderiam transmitir a mensagem desejada e inspirar no apreciador da obra pensamentos reflexivos sobre a relação das pessoas com suas roupas. O apreciador também seria levado a meditar sobre o que está realmente presente no interior de cada pessoa por quem passa, e como as roupas ao mesmo tempo que nos contam muito sobre o outro podem também disfarçar as pessoas, e nos impedir de enxergá-las como realmente são.

 

Wearable Art