Fabi Borges

| 0

Psicóloga, mestre e Doutora em Psicologia Clínica (Puc/São Paulo), com Bolsa Sanduíche (capes) na Goldsmiths University of London (Londres – Inglaterra). Faz pós-doutorado em Arte e Tecnologia – NANO – Núcleo de Artes e Novos Organismos – sob orientação de Malu Fragoso (PPGA/UFRJ).

Pesquisadora, Psicóloga e ensaísta. Desenvolve projetos a partir da intersecção de três campos: Arte, Tecnologia e Subjetividade.

Atua com consultoria institucional, terapia de grupo e clinica individual. Por cerca de 20 anos tem desenvolvido metodologias de grupo, inspiradas em performance art, tecnoxamanismo, ruidocracia, esquizodrama e esquizocenia. Utiliza também metodologias de outras escolas da psicologia.

Pesquisa space culture, filosofia especulativa, ontologia, metafísica, perspectivismo, arte, tecnologia e xamanismo.

Produz festivais/encontros como ACMSTC (Arte Contemporânea no Movimento dos Sem Tetos do Centro 2003 – Ocupação Prestes Maia – São Paulo), Integração sem Posse (Ocupação Prestes Maia – São Paulo 2004-2007), Submidialogia (Belém/Pará, 2009 e Arraial D’Ajuda/Bahia, 2010), Tecnoxamanismo (Arraial d’Ajuda/Bahia – 2014 e Caraiva – Aldeia Para Pataxó/Bahia, 2016- entre outros países), Arte em Órbita (Quito/Equador – 2015).

Participa de projetos de arte e tecnologia em residências artísticas como Transmediale (Berlim, 2014), Instituto Goethe (São Paulo e Porto Alegre, 2014-2015), Laboral Centro de Arte Industrial (Gijón – Espanha – 2011), Platohedro (Medellin/Colômbia 2014), entre outros, Si Shang Art Museum (Pequim/China), entre outros.

Articula/colabora com redes como #Tecnoxamanismo, #Take back the space, #Submidialogia, #Metareciclagem, #Movimento dos Sem Satélites, entre outras.

É autora de dois livros: Domínios do Demasiado Ed. Hucitec 2010, Breviário de Pornografia Esquizotrans Ed. Ex Libris 2010. Organizou dois livros sobre arte e tecnologia: Peixe Morto Ed. Imotirô 2010, Ideias Perigozas Ed. Descentro 2011. Organizou um livro sobre a Copa do Mundo no Brasil – COPAS -12 Cidades em Tensão Ed. Invisíveis Produções 2014 e TECNOXAMANISMO Ed. Invisíveis Produções 2016.

sites:

http://catahistorias.wordpress.comhttp://tecnoxamanismo.wordpress.com

fotos:

https://www.flickr.com/photos/22405820@N08/albums

vídeos:

https://www.youtube.com/user/catadores

https://vimeo.com/user6374828/videos

Marco Aurélio Damaceno

| 0

Mestre em Artes Visuais pelo PPGAV – Programa de Pós Graduação em Artes Visuais, EBA – Escola de Belas Artes, UFBA – Universidade Federal da Bahia. Artísta pesquisador, professor do quadro permanente no Departamento de Artes Visuais da UFPB – Universidade Federal da Paraíba. Desde a década de 90 é convidado a participar de mostras nacionais e internacionais. Está interessado na produção contemporânea que articula diversas áreas.  Doutorando pelo PPGAV – Programa de Pós Graduação em Artes Visuais na linha de Póeticas Interdisciplinares, em que, desenvolve atividade de pesquisa sobre os desdobramentos estéticos do movimento do corpo na Capoeira Angola, sobre a ressignificação do universo mítico e poético dessa prática, e suas relações entre performance e ritual. Esse processo de investigação constitui-se, através, das linguagens de instalação, vídeo, fotografia e novas tecnologias; no contexto das relações entre, o homem e seu meio (a natureza).