Projection Mapping

postado em: Blog, Processos | 0
Técnica que consiste na projeção de imagens e vídeos que respeitam a perspectiva das superfícies na qual estão sendo projetadas. Superfícies irregulares, tais como estruturas de pequenas a grandes dimensões, edifícios, estátuas e uma diversidade de outros objetos e pessoas.
Através da utilização de softwares especializados, os objetos de duas ou três dimensões são formados virtualmente. A partir dessas informações o software interage com um projetor para adaptar qualquer imagem a superfície do objeto escolhido. Há a reconstrução do espaço real com o espaço virtual criado. Tal técnica cria dimensões extras, ilusões ópticas e noções de movimentos em objetos estáticos.

054323e26dd4cfbba5500fa32b1edc8c 658d55f6469a47548bddcfbc427b019b

Nas interações entre diferentes planos e um único material projetado, há duas opções na qual podem ser desenvolvidas. A primeira, atravéz de uma foto da cena tirada da perspectiva de onde o projetor ficará. Softwares de composição de videografismos criarão o vídeo em torno das quinas e superfícies de referência. Outra opção, é criar um modelo da cena em 3D com uma câmera virtual onde o projetor ficará. A criação será capturada pela câmera e exportada como vídeo pronto para ser projetado na cena real.
Na criação de diferentes planos com imagens independentes entre si, usa-se softwares que distorcem vídeos. A calibragem é feita usando o próprio projetor, ajustando os vídeos de acordo com as superfícies da cena. Os softwares normalmente utilizados são o Modul8, Video Projection Tools e VDMX com Quartz Composer.
 ProtoEstruturas_1_DSC_0086