Visualização do som

postado em: Blog | 1

E se pudéssemos ver o som representado por cores, formas geométricas de diferentes tamanhos, impulsos gráficos, vibrações ou qualquer outro tipo de linguagem?

 

 

Primavera

A artista Laia Clos desenvolveu uma linguagem gráfica com formas geométricas e cores para reescrever partituras musicais. Em seu projeto chamado “SisTeMu”, desenvolve uma nova forma de “As quatro estações” de Antonio Vivaldi serem reescritas. Para cada nota musical, atribui-se uma cor, seguindo uma escala tonal de sons e cores; para as durações das notas, dá-se tamanhos diferentes – notas com longa duração recebem formas geométricas grandes e as de curta duração são representadas por pequenas formas geométricas.

esquema de representação das figuras musicais

 

Dessa forma, pode-se gerar trabalhos gráficos muito interessantes a partir das partituras e, ainda, seguir dessa experiência para novas maneiras de se reinventar, reescrever e representar a música.

 

link de direcionamento para o site da artista:

http://motstudio.com/lesquatrestacions-sistemu-projects

 

 


 

 

Outro artista à frente dessa tentativa de misturar som e cores é o Neil Harbisson. Ele é o primeiro cidadão a ser oficialmente reconhecido como Cyborg pelo governo, pois foi o primeiro ser humano a implantar uma antena em seu crânio, adquirindo a partir daí características biônicas.

Dezeen_Neil_Harbisson_Cyborg_artist_Technology_SQ

Neil nasceu com um grau de daltonismo que o impede de ver cores, apenas tons de cinza. Em busca de reverter esse quadro, o artista desenvolveu uma antena com um sensor que detecta a frequência da cor a sua frente e a transmite por meio de um chip implantado na parte de trás de sua cabeça (1). O chip converte as cores em ondas sonoras e cada cor corresponde a uma nota musical (2). A onda sonora atravessa pelo crânio sendo conduzida pelo osso e chega a seu sistema auditivo (3).

sensor.neil

 

Assim, Neil é capaz de ouvir as cores e saber, conforme a frequência sonora que está ouvindo, qual é a cor que está diante de seus olhos. Dessa maneira, pode organizar as matizes cromáticas em escala musical:

escala.neil

Alguns de seus trabalhos:

4c1643efd8d04369e7298f1b29eda2055c3f531c_blog_neil_3

Neil_Harbisson_Exhibition

 

 

 

 

 

 

neil-harbisson-landscape6-teaser

Mais informações sobre o Cyborg-artista Neil Harbisson: https://www.ted.com/talks/neil_harbisson_i_listen_to_color